Padaria sem glúten nem lactose de SP vira franquia

padaria-sem-glutem-close-1

Ótima notícia para intolerantes ao glúten e à lactose: uma padaria onde nenhum produto tem leite bovino nem farinha de trigo.

Lá é possível encontrar pães de farinha de arroz, ou pudins de leite de coco e fava de baunilha.

A padaria Grão Fino é do casal Erika Shuster, 34, e Luiz Ferretti, 51, (foto abaixo). Ela funciona desde março no bairro do Itaim Bibi, na cidade de São Paulo.

O curioso é que Luiz e Érika não são intolerantes ao glúten e lactose.

“Uma coisa que motivou a gente a mudar a alimentação foi saber que o [tenista Novak] Djokovic é filho de dono de pizzaria e, quando parou de comer glúten, melhorou seu rendimento e passou a ganhar tudo.”

Shuster, que era jornalista, percebeu a dificuldade de encontrar alimentos que se encaixassem na dieta escolhida e passou a produzir alimentos funcionais em casa para vender pela internet.

O negócio deu resultado e serviu de inspiração para a padaria.

Os sócios dedicaram quatro meses a experiências com os pratos antes de abrir para público.

Ainda hoje os produtos são modificados com frequência, conta Ferretti.

O mais vendido pela padaria é o pão chamado “Low Carb”, feito com farinha de psyllium, de amêndoa e linhaça, com preço de R$ 6,90 cada 100 gramas.

 

Franquia

A Grão Fino busca franqueados para investir em novas unidades e gerenciá-las.

O empresário conta estar negociando unidade no bairro dos Jardins, em São Paulo, e ter interesse em abrir outra em Alphaville, na Grande SP).

A taxa de franquia para abrir uma padaria do tipo é de R$ 60 mil. O valor não inclui custos de instalação e capital de giro para operar o negócio.

Com informações da Folha

Compartilhar...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+