Jardineiro cidadão: Paris incentiva povo a aumentar verde da cidade

parisverde

A cidade luz poderá ter um quarto de sua superfície coberta por vegetação, até 2020, se conseguir implementar um programa ousado de seis metas.

Entre elas, a capital da França quer que os novos prédios tenham coberturas com jardim e que sejam criados 30 hectares de espaços públicos verdes.

Outro meta que chama a atenção é o convite para que os habitantes se tornem jardineiros de seus bairros. É o programa “Du ver três de chez mai”  [Verde perto de mim].

Estarão à disposição a porta de casa ou as ruas próximas para que a população plante vegetação e, assim, faça parte do processo de tornar mais agradável o entorno urbano.

Após escolher os pontos de plantio, os moradores devem solicitar uma licença que tem duração de três anos (ela é renovável) e que lhes permite plantar nos espaços públicos de seus bairros.

A iniciativa também oferece consultorias sobre as espécies mais adequadas para cada caso e quais as melhores formas de realizar o plantio.

Jardineiro cidadão

No momento em que o município concede a licença a um novo “jardineiro cidadão”, também lhe entrega um kit de jardinagem e exige que ele assine um termo de compromisso, que marca a diferença do programa em relação a iniciativas individuais.

O termo de compromisso garante que os cidadãos não utilizem pesticidas e exige a manutenção das plantas, canteiros e outros elementos que envolvem o plantio.

Com informações Archdaily

Compartilhar...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+