Avião com biocombustível feito de lixo já está no ar

aviaobiocombustivel

A aviação internacional já começou a usar biocombustível de lixo comum.

A novidade vem da americana United Airlines, como anunciou o SóNotíciaBoa no ano passado. Releia aqui.

O biocombustível começou a ser usado no voo UA708, que vai de Los Angeles a São Francisco e dura pouco mais de uma hora.

Ele é fornecido à United por duas empresas – AltAirFuels e Fulcrum Bioenergy – que criaram processos para transformar lixo orgânico em combustível.

A AltAirFuels usa gordura e óleo como matérias-primas, mas a Fulcrum é mais flexível: seu combustível é feito de lixo comum, que iria ser jogado em aterros sanitários.

Os Airbus A319 da United serão alimentados inicialmente com 70% de querosene de aviação e 30% de biocombustível.

Para a empresa, a vantagem é a economia. O combustível feito de lixo custa menos.

Também há uma vantagem ambiental.

O processo resolve o problema do que fazer com uma parte do lixo, reduzindo a pressão sobre os aterros já superlotados – os EUA produzem 250 milhões de toneladas de lixo por ano – e também porque a queima do biocombustível gera menos CO2.

A United diz que pretende usar 360 milhões de litros de biocombustível por ano, alimentando todos os seus aviões que reabastecem em Los Angeles.

Com informações da Superinteressante

Compartilhar...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+